Breathe In Breathe Out

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Fim Ditoso.


Caminho com os olhos baixos, uma numeração na cabeça, a medida que os passos vão aumentando a numeração também . Eu sempre sei a que numero vai chegar, mas gosto daquela expectativa irreal, é como um universo paralelo. Todos os dias a mesma numeração, o mesmo destino.
Um dia sem prestar atenção, um barulho assustador me tira a concentração, vozes ao longe eu escuto, mas não entendo, uma dor invade meu corpo que não irei suportar por muito tempo, abro meus olhos e encontro o brilho do sol , depois as cores vão se dissipando bem devagar, mas o que me vem na cabeça é a preocupação de nunca mais poder contar, e como não conseguir chegar ao fim da numeração dessa vez.
Marry Brint

9 comentários:

Anna Molly disse...

Capítulo 3 postado.

Novidades no blog, na coluna a direita.

Atenciosamente, Anna Molly.

Net Esportes disse...

vi dois erros no texto "nuumero" e "intendo" .... caso vc os tenha feito propositadamente, uma dica é usar aspas e algo que indique isso

Teté disse...

Olááá
Vim retribuir o comentario que vc fez no meu texto do blog amores-cruzados.
Obrigada!
Volte sempre
Suessos pra vc com seu blog ;)
Bjooos

Leandro Merlllin disse...

A expectativa do irreal é sempre impressionante mesmo. . . Afinal, do que adianta saber como se vai terminar a numeração se o mais importante disto tudo é prestar atenção à cada detalhe daqueles números?...

Beijão!
Leandro Merlllin
http://www.baladadocachorrolouco.blogspot.com

Francisco Castro disse...

Olá, gostei muito do seu blog. Ele é muito bom.

Parabéns!

Um abraço

Glayce Santos disse...

"bro meus olhos e encontro o brilho do sol"

Belissimo texto!

Obrigada pela visita! Volte senpre!

bjs

BiahH_TrixX disse...

meio que compulsão eu diria...mais tenho que admiti que suas aplavras são tão boas que me vi ali...e o pior de tudo..eu tenho mania de contar meus passoa ...=S

Gostei do teu blog..to linkando ..e tem selo pra ti.=]

Charlotte disse...

Acho que todo mundo faz a pergunta: Quem sou eu? rs
Não, namastê é uma expressão indianista [eu acho]. Poe no orkut em comunidades NAMASTÊ que explica melhor que eu UAHSUAHSUAH
amei o poema/poesia.

Fernando Ferreira disse...

como sempre desde que eu comecei a ler seu blog achei muito bom
gostei do que o seu pseudonimo escreveu muito legal e só aviso que os capitulos não são postados todos os dias

abraços e beijocas